Carências, desejos e apegos, como trabalhar isso de forma saudável e efetiva?

Carências, desejos e apegos, como trabalhar isso de forma saudável e efetiva?

publicado por Prem Hamido (Daniel)

tags: Tantra

Tenho me colocado no lugar do interagente e buscado entender o que o move a vir fazer uma sessão? Alguns carência afetiva como motivador. Outros o desejo pelo sexo ardente a toda e qualquer pessoa. Outros o apego ao tempo, a relação, a um status de “marido”, de “esposa”. Alguns vem e passam anos analisando isso em psicoterapia até identificarem, mas aí vem a pergunta: “E o que fazer com isso?”

Quando busquei a terapia tântrica há 7 anos atrás estava numa busca de me encontrar, de curar de mim, sarar a ansiedade alucinante que batia minha mente, tratar a ejaculação precoce que vinha e trazia cada vez mais insatisfação ao sexo na relação. Fui percebendo que não eu somente quem sentia isso. Segundo pesquisas, a ejaculação precoce atinge 3 em cada 10 homens saudáveis. Fui percebendo que isso é mais comum do que se imagina, porém é uma dor silenciosa.

Assim como eu vim buscar tratar questões minhas, outras pessoas veem buscar tratar aquela carência doentia de querer preencher aquele vazio existencial no peito com alguma pessoa. Na minha caminhada pude perceber que essa busca seria frustrada e que a pessoa na verdade não iria preencher aquilo que fato queria, mas preencher um vazio com mais vazio se não buscasse pelo caminho certo.

Vivemos numa sociedade patriarcal, repressora e que incentiva ao homem na região nordeste do Brasil a propagar: “homem não chora!” Isso gera uma repressão. Quando existe um desejo por algo ligado a sexualidade, isso gera recalque e frustração. Esse recalque pode gerar agressividade ou mais repressão para terceiros.

Muitas vezes um cenário, uma relação, um contexto não estão bom. Por quê? Muitas vezes ali pode ter um apego a algo. O mesmo apego que gera “o pegar algo” também é o fator limitante à evolução. O apego está associado a uma crença inconsciente na escassez de que falta a mim algo, posso ficar sem algo, isso um dia irá me faltar. Quando esse apego é na relação, a mesma relação não fica boa. Quando esse apego é no profissional, a pessoa pode ter uma insatisfação no trabalho ou emprego. Quando esse apego é em objetos da casa, a vida financeira não fica legal nem saudável.

E o que tudo isso que foi falado tem a ver entre si? Dentro do entendimento energético, existem os chackras que são centros energéticos. Nós possuímos centenas de centros energéticos no corpo. Os 7 principais são ao longo da coluna.


O chackra básico (cor vermelha) é o chackra associado energia material, energia terra, energia da sexualidade. Todos esses conteúdos emocionais tais como apegos, desejos e apegos estão associados ao chackra básico em desequilíbrio ou em excesso, ou insuficiente ou oscilante entre um polo e outro.

Sabe-se que quando esse chackra básico está desequilibrado gera problemas de ordem material tais como disfunções sexuais, impotência, ejaculação precoce ou excesso de libido. As meditações ativas assim como a massagem tântrica podem ser uma alternativa para tratar esses conteúdos emocionais de forma direta, real e prática.

Procure um terapeuta tântrico sério com formação na área e com experiência para te ajudar e sua relação afetiva, sua profissão suas finanças (e vida financeira) podem dar um salto quântico de evolução.


Prem Hamido (Daniel)
Terapeuta Tântrico formado pela Comunna Metamorfose, Instrutor de Delerium Privativa - Treinamento Multiorgástico para Casais com as (Sensitive Massagem, Êxtase Total Massagem, Yoni Massagem e Lingam Massagem, G-Spot e P-Spot Massagem), Atende homens, mulheres e casais (heterossexuais e LGBT's). Trabalha há 14 anos com [...]

Veja o perfil completo

Quer receber as newsletters?