Terapia do
Renascimento


A Terapia do Renascimento é um trabalho de limpeza, organização e reequilíbrio das informações bioelétricas que permeiam o nosso sistema nervoso autônomo que, quando desajustadas ou disfuncionais, criam couraças neuromusculares prejudiciais ao longo desse sistema, criando uma anatomia emocional extremamente reativa, que encobre a essência do indivíduo, podendo trazer uma sensação de fragmentação.

Ela foi sistematizada por um homem chamado Leonard Orr que, junto de Stanislav Grof, Timothy Leary e outros cientistas da época (anos 70 nos EUA), vinha fazendo pesquisas terapêuticas a respeito dos estados de consciência humana. Enquanto alguns direcionavam suas pesquisas para os psicoativos ou enteógenos, outros se inspiravam nas culturas do oriente que muito falavam em meditação e, principalmente, o poder da respiração.

Suas pesquisas começaram com experiências de meditação com parte do corpo imerso em água morna, sem nenhum padrão de respiração específico. Descobriu o poder da respiração circular quando mudou as experiências meditativas, colocando-se submerso em água morna, respirando por um snorkel, com o nariz preso.



Encontre atividades de Renascimento próximas a você:

Encontre um instrutor de Renascimento credenciado

Pagal Leonardo
Pagal Leonardo
  • Prem Meera
    Prem Meera
  • Puja Puran
    Puja Puran
  •  Paula
    Paula
    • Especialista em autoconhecimento e desenvolvimento humano, passou pelas principais escolas de Tantra do Brasil.
    • Campinas
    • Perfil Completo

    Evandro Palma
    Evandro Palma
    • Formado em Psicologia, é Terapeuta Corporal certificado em todas as modalidades do Método Deva Nishok. É coordenador do Espaço Evandro [..]
    • São Paulo (Capital)
    • Perfil Completo

    Vitor Shiv
    Vitor Shiv
    • "Se saúde é um direito humano fundamental, a saúde sexual também deveria ser considerada um direito humano básico." (OMS, 1975)
    • Brasilia  + 5 cidades
    • Perfil Completo

     Asha
    Asha
    Gabrielle Fuchs
    Gabrielle Fuchs
  • Anand Saraha
    Anand Saraha
    Alex Garjan
    Alex Garjan
  • Anand Soma
    Anand Soma
    Andréa Gripp
    Andréa Gripp
    Prem Apoorva
    Prem Apoorva
    • Recomeços são inevitáveis; assim, escolher melhores caminhos é o que faz de você especial e consciente do que aconteceu e o que deseja.
    • Online  + 2 cidades
    • Perfil Completo

    Aditi e Pranshu
    Aditi e Pranshu
  • Fabi Prema Advita
    Fabi Prema Advita
  • Julio Marques(Ganga)
    Julio Marques(Ganga)
  • Como funciona a Terapia do Renascimento?

    Desde as suas primeiras descobertas até hoje, a terapia do Renascimento já foi passando por várias interpretações de diferentes escolas; enquanto algumas trabalham apenas individualmente, outros atendem grupos. Há ainda os que apenas trabalhem com o paciente na água, outros apenas em colchonetes em solo firme. As músicas, assim como os elementos acessórios à sessão, bem como as sugestões utilizadas podem também diferenciar uma escola da outra.

    A principal ferramenta da sessão de Renascimento é a Respiração Circular. Junto dela encontramos outros elementos que formam os pilares do Renascimento. Seja qual for a linha que o seu terapeuta trabalhe, esses 5 princípios devem estar sempre presentes:

    1- A Respiração Circular do Renascimento

    Para mergulharmos no processo terapêutico do Renascimento precisamos manter a nossa respiração conscientemente em um padrão circular para ativarmos o corpo. Elementos como força, ritmo e profundidade da respiração são responsáveis por ativar o corpo da pessoa em mais ou menos tempo, com mais ou menos intensidade. Uma respiração é circular quando não existe pausas entre a inspiração e a expiração. O corpo segue sempre inspirando e expirando, contraindo e expandindo.

    Além de ser circular, a respiração do renascimento possui outras características que trazem qualidades singulares para a técnica. A expiração deve ser relaxada, livre, com um movimento de quem solta um peso quando solta o ar. Não deve ser assoprada ou expulsa, tampouco presa ou reprimida. Inspira com força e relaxa na saída do ar. E o circuito deve ser sempre mantido pela mesma via respiratória: inspirou pelo nariz, expira pelo nariz. Inspirou pela boca, expira pela boca. Falaremos mais pra frente sobre diferentes tipos de Respirações Circulares.

    2 - Relaxamento Profundo

    Repressões e couraças neuromusculares causam tensão em demasia. Toda a distração que o corpo precisa criar para sustentar uma neurose, causa desgaste por excesso de inquietação e movimento. Tudo isso é sistema nervoso simpático ativado.

    O Relaxamento profundo permite que a gente possa ativar o sistema nervoso parassimpático, da digestão, descanso, metabolismo e manutenção. O Relaxamento é fundamental para que possamos atingir camadas mais profundas da anatomia emocional.

    3 - Consciência nos Detalhes

    A respiração circular vai tornar o corpo mais sensível, com mais energia, mais vitalidade. Nesse estado de ativação a percepção fica alterada e o corpo fala mais alto, o que não quer dizer que fale com mais clareza.

    É comum que o corpo seja inundado por sensações mais ou menos familiares durante uma sessão de renascimento: formigamento nos membros e extremidades, presença de energia nos lábios, no rosto, sensação de estiramento de algumas fibras musculares nos braços e nas pernas, calor, frio, sudorese, vibrações, espasmos, sensações pontuais em partes específicas do corpo (uma pontada, uma queimação, um anestesiamento), enfim, o corpo com certeza será percebido de maneiras diferentes quando for ativado pela respiração durante a sessão.

    O paciente deve ser sempre orientado a manter sua presença nas sensações do corpo. Qualquer que seja a sensação que chamar a atenção no momento, o melhor que fazemos é levarmos a nossa presença para aquela parte do corpo. Naturalmente a sensação se transforma e outra parte do corpo chama a atenção da consciência. E assim as emoções vão, como camadas, sendo liberadas por conta do processo energético da sessão.

    Isso pode ou não trazer conteúdos, memórias ou experiências para a consciência do paciente. A codificação de conteúdos (ver coisas, receber mensagens, falar com mestres, etc) não deve ser entendida como avanço ou empecilho de maneira nenhuma. Cada pessoa, dentro de cada histórico, cada paradigma corporal e dentro da sua propriocepção vai desenvolver uma relação corpo-consciência: alguns são cinestésicos, outros visuais, outros auditivos, cada um com sua peculiaridade. O que faz a terapia do Renascimento acontecer não é a análise de conteúdo - é a respiração e a bioenergia que ela produz.

    4 - Integração no Prazer

    Tudo o que for vivido em uma sessão de Renascimento está diretamente ligado ao prazer que o corpo sente em estar vivo. O prazer inerente da vida, que permeia nosso sistema de autopreservação, que direciona nossa sexualidade, que pulsa nas nossas relações afetivas, amorosas e na expressão do nosso impulso criador e criativo.

    As experiências vividas na sessão de Renascimento podem ser encaradas pela consciência como manifestações de êxtase e de profundo prazer. Mesmo as experiências de tensão, que nos colocam frente a frente com traumas profundos e medos enormes, quando o paciente não se perde no drama e compreende que, mesmo imerso em uma grande confusão emocional na sua experiência ele está tratando sua questão em um ambiente seguro e terapêutico, essa energia pode ser dirigida para a coragem e a satisfação.

    5 - Sempre Funciona!

    Não há que se falar em perfeição, em metas e objetivos em uma sessão de Renascimento. O quinto princípio vem pra lembrar que os 4 primeiros são ideais, modelos, e nem sempre são representados com perfeição na experiência, na realidade. Independentemente disso, a sessão de Renascimento é eficaz e pode ser bem reveladora.

    A respiração consciente lenta e profunda já se mostrou terapêutica em uma série de estudos a respeito do poder da meditação sobre o nosso estado de espírito. Mesmo que a respiração não ative o corpo do paciente, algum espaço é liberado para que na próxima sessão o trabalho tenha mais fluidez e volume energético. Nada é perdido.

    Não sentir nada é extremamente significativo. Não conseguir respirar dentro do padrão que a sessão pede também. Muitas vezes a pessoa precisa de mais confiança, precisa se desarmar mais para se permitir mergulhar na experiência. Cabe ao terapeuta facilitar a experiência do paciente, identificando os códigos e bloqueios que o impedem de respirar o suficiente.

    Por isso dizemos que a sessão sempre funciona. Conseguindo respirar ou não, ativando o corpo ou não, a pessoa que se dispõe a olhar pra dentro durante a sessão acaba se surpreendendo. É interessante para aqueles que têm dificuldade de respirar, orientar que observem seus pensamentos durante a sessão por alguns instantes.

    O processo de cura

    O processo de cura acontece no nível energético e, a partir daí, para o corpo físico. A vibração do corpo e o volume de bioenergia trabalham juntos desfazendo os bloqueios das couraças neuromusculares retomando o fluxo e o nível de energia, assim como a sensibilidade ao longo do corpo. Esse processo de afrouxamento e dissolução das couraças, pouco a pouco vai permitindo que o comportamento ganhe elasticidade.

    Durante esse processo é comum que experiências passadas, memórias, traumas, origem de compulsões e neuroses venham à consciência. A pessoa se lembra de coisas e tem uma espécie de “momento eureka”, uma sensação de que “a ficha caiu” e os pensamentos se organizaram de uma maneira que “faz sentido”. Essa experiência acima também é apenas um dos sintomas da sessão e não precisa ser encarada como um estágio no desenvolvimento. Existem pessoas que passam por longos e eficazes tratamentos com Renascimento, que eliminam sintomas de depressão e ansiedade do comportamento, que saem da inércia, recuperam o gosto pela vida e, embora toda a atitude tenha se transformado, as sessões não trouxeram nenhum conteúdo para a consciência; nenhuma lembrança, nada enterrado no subconsciente. Apenas sensações físicas e manifestações emocionais.

    A comunicação do corpo com a consciência depende de uma série de fatores, como a consciência corporal que o paciente possui, o nível de facilidade e relaxamento capaz de adquirir durante a respiração, as couraças que estão sendo trabalhadas, o nível de anestesiamento do corpo do paciente, seu histórico terapêutico, enfim, fato é que a técnica sensibiliza o corpo e cada um vai perceber isso de uma forma muito exclusiva.

    A cura vem pela respiração. Tudo que o terapeuta precisa ter certeza é de que o paciente respirou. E ao paciente basta respirar, sem precisar nenhum tipo de dissecação ou análise da experiência que está passando. Apenas sentir a experiência, em sua plenitude, Respirando o suficiente para ativar o corpo é sinal que houve concentração de energia para mexer com tensões crônicas profundas e estruturas densas da anatomia emocional.

    O que ajudamos e tratamos com o Renascimento

    - Depressão leve e moderada, assim como outros transtornos mentais não psicóticos, como síndrome do pânico;
    - Questões conectadas com amor próprio; pessoas que passam por longos períodos de baixa autoestima;
    - Vítimas de abusos físico, moral ou sexual que encontram dificuldade para relacionar-se após o trauma;
    - Pacientes que enfrentam questões de dependência química;
    - Pessoas que procuram um caminho de autoconhecimento; um jeito novo de olhar para si e perceber os padrões de comportamento pré-estabelecido;
    - Homens e mulheres que sofrem com crises diárias de ansiedade sem entender os gatilhos que os colocam em determinada condição.

    Benefícios da Terapia do Renascimento


    Depoimentos sobre a
    Terapia do Renascimento
    pela Rede Metamorfose

    Trabalho consciente e responsável, com muito respeito aos participantes e seus limites pessoais. Renê conduz as atividades com experiência e propriedade, transmitindo segurança aos participantes.

    Lívia Krassuski Barboza

    Renê Caffaro com Renê em 08/06

    Uma vivência sensível e transformadora, gostei demais da experiência. Recomendo.

    Camila

    Renê Caffaro com Renê em 06/06

    Há um ano estava frágil emocionalmente enfrentando uma crise conjugal e com baixa autoestima. Na ânsia de melhorar o relacionamento procurei uma luz. Encontrei o site do metamorfose e comecei a procurar um terapeuta na minha região.Com formação Cristã sentia muito medo do novo de todo esse universo que para mim era desconhecido. No momento em que tomei conhecimento da biografia do Nelson entre os terapeutas eu tive a certeza de que havia encontrado o que eu precisava. Foi preciso coragem pra enfrentar o medo e dar o primeiro passo nesse caminho de luz e autoconhecimento.Quando cheguei em seu estúdio a ansiedade batia em minha porta e eu encontrei um ser humano incrível que conseguia acalmar o meu coração com a sua paz e que transmitia total confiança em seu trabalho e na forma respeitosa com que me tratou. Desde então com as terapias integrativas passei a me compreender melhor, a respeitar- me e ter amor próprio valorizando quem realmente sou e conhecendo meu potencial. Senti a felicidade brotar dentro do meu ser pois consegui fazer as pazes com a criança interior e com a mulher que estava ferida. Hoje eu agradeço ao universo por ter me dado a oportunidade de chegar até este site e especialmente de ter passado por esse processo com o auxílio desse excelente profissional e grande ser humano que é o Sabá Sadik.Sou grata a dor que através dela eu consegui movimentar-me em busca do caminho da transformação e descobrir que tudo que eu estava procurando fora eu encontrei dentro de mim. Deixo aqui meu relato com o sincero desejo de que possa ser útil a quem está nessa busca e que outras vidas transformadas.

    Maria L. dos Santos

    Sabá Sadyk (Nelson) com Nelson em 22/04

    Eu perdi um bebê há 2 anos atras e estava num período muito difícil, em depressão e sem conseguir encontrar um caminho de volta a alegria de viver. Foi quando me indicaram o trabalho da Ananda (Psalm Ananda PREM) para a prática do Renascimento Uterino. Após essa prática tive uma melhora significativa e senti de continuar cuidando da minha libido e energia de viver com a Ananda. Engressei em uma Terapia com a Massagem Tântrica que ressignificou a perda que sofri na gestação, e voltei a sentir prazer no meu corpo, me sentindo viva novamente e capaz de encontrar alguém pra amar, porque voltei a me amar. As sessões com a Ananda nunca foram iguais. Teve sessão com vários tipos de massagens relaxantes junto com a massagem tântrica. Teve práticas de yoga com meditação. Teve estudos de análise do formato do meu corpo relacionados a minha forma de pensar. Aprendi muito nesta fase da reconstrução de mim mesma quando a Ananda cuidava de mim. Até decidi fazer um curso de Massagem Tântrica com ela pra fazer no meu novo namorado. Isso esquentou meu novo relacionamento e nos uniu ainda mais. Ananda se preocupou comigo no pós sessão, me guiando na retomada da minha vida no momento em que eu não conseguia mais nem pensar e nem me reconhecer. Ela me ajudou a me reerguer. Sou imensamente grata a Ananda por me conduzir neste resgate. O trabalho da Ananda é único. Além de ser uma pessoa iluminada é uma profissional muito dedicada, preocupada e presente. Realmente um presente que surgiu em minha vida me incentivando a me transformar pra melhor. Gratidão pra sempre, querida Ananda

    Beatriz O. Almeida

    Psalm ANANDA Prem com Ananda em 22/04

    Se eu pudesse explicar exatamente em palavras o que é inexplicável, poderia dizer que existe Eu antes da Terapia Tântrica com o Saba Sadik e o Eu depois da terapia. Além de ser um profissional sério, respeitoso e amável. O renascimento foi muito importante para que eu pudesse entender e ressiginificar o meu Eu e a Terapia Tântrica, além de elevar minha auto estima, descobrir o verdadeiro multiorgasmo, proporcionar meu autoconhecimento, trouxe muitas experiências espirituais e transcendentais. Me apaixonei por essa terapia tão assertiva e de resultados rápidos! Agradeço imensamente ao Saba Sadik por ter me apresentado a este mundo maravilhoso. Gratidão eterna.

    Eri

    Sabá Sadyk (Nelson) com Nelson em 21/04

    Percebi uma respiraçāo profunda, despertando energias, que foram sentidas por formigamentos em todo o corpo e a respiraçāo foi muito profunda e natural, mais profunda do que trabalho há 11 anos em yoga e há 32 anos em trabalho psicoterapeutico, como psicoterapeuta e em minha própria terapia. Senti desbloqueios e sensações de libertaçāo, me venho a imagem de minha māe e uma profunda gratidāo pela vida. O trabalho de Respiraçāo do Renascimento coordenado pela Ananda foi maravilhoso e surpreendente. A coordenaçāo foi cuidadosa, presente e nos trouxe a atençāo plena. Profunda gratidāo por ter vivenciado esse trabalho!!

    Gisele

    Verônica Ananda com Ananda em 05/11

    Encontre um instrutor de Renascimento
    Participe de um Encontro de Respiração Circular