A massagem tântrica e o tal do “final feliz”

A massagem tântrica e o tal do “final feliz”

publicado por Deva Harischandra Jéssica

Todas essas mensagens que mencionei abaixo, eu recebi de verdade via celular, além de muitas outras similares, são apenas alguns exemplos:



Percebo essas mensagens como fruto da nossa cultura machista e desprovida de uma

educação sexual saudável. Faz parte do meu trabalho, esclarecer e ajudar no entendimento do que é a massagem tântrica.

Esclareço, converso, explico, mas percebo que muita gente ainda desconhece completamente a importância da sexualidade em nossas vidas, não consegue ainda de forma alguma enxergar o sagrado nela, e quer continuar dessa forma. Busca apenas um sopro, um prazer momentâneo, escasso, um pequeno vislumbre de alívio para a vida medíocre, um gozo simplório e degradante apenas.

Não conseguem ainda enxergar o quão maior é o trabalho que ofereço, de tão programados e habituados que estão com o que já conhecem e buscam. Triste realidade de muitos homens que chegam até mim ao saber que eu trabalho com massagem tântrica. Jamais recebi algo parecido de uma mulher.

Espero pelo menos, que fique registrado em algum lugar em seus cérebros, quando me procuraram um dia para suprirem essa necessidade que os movia no momento, e possam se recordar do que eu lhes falei sobre a preciosidade da kundalini e tudo o mais que a massagem tântrica pode lhes trazer de benefício na vida. Que sintam esse chamado um dia e já possam ao menos, ter a ideia de como chegar a esse caminho.

Não estou aqui os julgando e culpando, apenas busco esclarecer um pouco e ajudá-los a romper com essas coisas que eles têm aprendido e reproduzido ao longo da vida.

Eu ofereço algo infinitamente mais precioso do que aquilo que esses homens têm buscado. Eles querem mais do mesmo, jogar a energia pra baixo, estão escravizados a essa forma que acreditam que sentem prazer.

Eu ofereço a possibilidade de utilizar a própria energia para nutrir-se dela, de conhecer possibilidades de êxtase e expansão que a grande maioria das pessoas jamais imaginou serem capazes de sentir.

De sentir orgasmos contínuos, duradouros, curativos, inclusive de corpo inteiro. De sentir a energia subindo e circulando pelo seu corpo.

De trabalhar a sua respiração, de modo a expandir os seus espaços internos e se beneficiar dessa capacidade.

De aprender a se expressar, conhecer e ouvir o seu próprio som e vibração emitida por ele quando sente orgasmos.

De aumentar a consciência corporal, a consciência de si mesmo, de perceber partes do corpo que até então nunca tinha percebido o quanto são sensíveis ao toque. De trazer à superfície da pele, a bioeletricidade do seu corpo, de reconectar-se consigo mesmo, de naturalizar a nudez e de perceber o quanto a sexualidade é importante e está ligada a todas as outras áreas da sua vida.

De romper limites com os condicionamentos e abrir-se para inúmeras possibilidades que a existência nos disponibiliza.

De transcender o seu prazer. De tornar-se mais sensível e criar novas conexões neurais pra se relacionar na vida. De inundar o seu corpo de hormônios benéficos a ele.

E de talvez, acessar memórias do inconsciente, trazê-las à tona e ressignificá-las.

Não são poucas as pessoas que têm recebido esse enorme presente ao se permitirem vivenciar as sessões de terapêutica tântrica que envolvem a massagem. E eu te convido a refletir sobre como você tem lidado e vivido a sua sexualidade. A romper com a visão doentia a que culturalmente fomos condicionados a conhecer.

Atravesse essa linha e perceba o quanto essa visão negligencia essa área tão importante das nossas vidas. Amplie a sua percepção de mundo e de vida, transborde a sua energia sexual, rompa com esse padrão limitante e raso com que a maioria das pessoas se contenta em fazer uso dessa energia sagrada e tão maior que tudo isso.

Sem uma relação sexual, você não estaria aqui. Portanto, acho digno a gente parar para pensar sobre a visão que têm sobre sexo e sexualidade. Vejo como a fonte de criação, geradora de vida que é, ou ando deturpando bastante as coisas por aí?

Sou terapeuta tântrica, trabalho com sexualidade saudável, com ativação e utilização da energia vital de uma forma produtiva e amorosa, técnicas de meditação, cursos e vivências que transformam vidas, trabalhos capazes de aumentar o amor e conexão para indivíduos e entre os casais. Esse é o meu trabalho.

Um grande abraço e ótima reflexão a todos!


Deva Harischandra Jéssica
Sou terapeuta do AMOR, trabalho tocando o corpo e a alma das pessoas. Acredito no trabalho de desenvolvimento do ser humano em sua integralidade com o método Deva Nishok. É um trabalho que transforma vidas.Trabalho com a massagem tântrica, nas seguintes modalidades:* Sensitive Massagem* Êxtase [...]

Veja o perfil completo

Quer receber as newsletters?