Livre de antigos traumas

Livre de antigos traumas

publicado por Carolina Lenoir

Estado de Minas

em 22/fev/2012

Transcrito por Deva Thirak

---

“Medos e traumas são substituídos por amor, segurança, apoio, suporte. Os traumas existem principalmente porque a pessoa se sente sozinha”

Workshop que será realizado em BH propõe desbloqueio de experiências negativas por meio de técnicas de meditação livre de antigos traumas.

Todas as experiências pelas quais passamos na vida deixam marcas, às vezes físicas, quase sempre emocionais. Quando são negativas, é comum que elas sejam negligenciadas na correria do dia a dia e, cada vez mais enraizadas, se torna difícil superá-las. A proposta do Workshop O Caminho do Amor, que vai ser realizado pelo Centro Metamorfose de Desenvolvimento em BH de 02 a 04 de março, é proporcionar o tempo e as técnicas necessárias para desbloquear antigos traumas que criam padrões comportamentais limitantes e reforçam o sentimento de isolamento e separação.

O objetivo é que, por meio de um trabalho que incluem mais de cem técnicas de meditação, com vários estágios e duração – podem ter de 40 minutos a 3 horas - , haja uma manipulação criteriosa de estados vibracionais, que interferem nas emoções e no comportamento das pessoas, impactando diretamente os relacionamentos afetivos, sociais e profissionais.

Coordenador de Centro e criador do método usado no workshop, Deva Nishok explica que O Caminho do Amor é aberto à participação de qualquer pessoa sem exigência de experiência anterior. No momento da inscrição, os interessados preenchem uma ficha em quem contam alguns aspectos importantes da sua vida, como dificuldades e o que gostariam de superar. Com base nisso, o trabalho é organizado.

No Centro, são realizadas práticas meditativas chamadas de meditações sociais, bem diferente do senso comum espera de uma meditação. “A princípio, imagina-se que a meditação é uma prática solitária, isolada, em um ambiente preservado energeticamente e silencioso, numa atmosfera quase sagrada. As meditações sociais não são realizadas em ambientes fechados e exigem a presença de um grupo. É uma experiência transcendental.”

De acordo com Nishok, são usadas técnicas que provocam uma série de reações orgânicas que trabalham aspectos físicos, mentais e emocionais. São usados movimentos corporais que atuam em vários sentidos simultaneamente e mobilizam as memórias do corpo, já que tudo que é vivido se transforma em um registro nos músculos, principalmente se tem aspecto negativo, que provocam ansiedade, medo, insegurança. “São as experiências traumáticas que causam os registros de maior tensão muscular. A meditação ressignifica isso, a partir de uma experiência mais amorosa. Medos e traumas são substituídos por amor, segurança, apoio, suporte. Os traumas existem principalmente porque a pessoa se sente sozinha.”

As dinâmicas são realizadas de modo que a pessoa saia do grupo do grupo com novos significados para valores e paradigmas sobre as relações, não amorosas, mas também a de amizade e familiares. Segundo Nishok, todo o trabalho é feito com base no hemisfério direito do cérebro, ou seja, o lado sensorial, em contraponto ao esquerdo, o lado racional. “As práticas são colocadas de maneira que as pessoas consigam passar os conflitos do hemisfério esquerdo, programado para achar que não vai dar certo, para o direito, em que tudo é possível, mesmo que não seja na proporção da suas expectativas.”

O coordenador explica que a experiência do workshop não passa pelo conceito de compreensão. “Em primeiro lugar, tem que ser a experimentação. É mais importante que se tenha foco na resolução dos problemas e não alimentá-los tentando entendê-los. Se o nó for desatado, para que revivê-lo?” Para Nishok, as meditações sociais valorizam novas possibilidades cognitivas que vão influenciar um conjunto de nervos e músculos obstruídos, que impedem o indivíduo de ultrapassar barreiras, e habilitar organicamente o corpo para abrir os caminhos neurológicos.

Como resultado dessas práticas, a pessoa sai movida por um sentimento de superação. “Ela sabe que superou algo, mas não sabe exatamente o que, porque isso não foi racionalizado para algo específico, é mais abrangente. As pessoas à sua volta notam a diferença, mesmo que a própria pessoa não perceba mudanças no seu comportamento. É um efeito transformador, que serve para uma série de situações de impedimento, desde parar de fumar a deixar o emprego que não está lhe fazendo bem.”

Outras reflexões para você

As relações sexuais entre o casal, com o tempo se tornam monótonas, algumas vezes frias, com o passar do tempo uma das partes ou as duas se...
O que aconteceria se nunca pensássemos pequeno? E se você fizesse todas as coisas que tem vontade? E se você fosse livre para viver sua...
O que você aprendeu sobre nudez enquanto crescia? Você aprendeu que é algo errado, que é pecado, ou que seu corpo deveria ser coberto?...
Vou começar trazendo um dos conceitos de autonomia. Uma das definições encontradas é que autonomia é a capacidade de um indivíduo racional...
Sou poeira do cosmos. Sou um mundo de infinitas possibilidades. Sou um organismo vivo. Sou única e sou parte do todo, gota e oceano. Sou...
Para o bem ou para o mal, quando somos crianças nós copiamos os comportamentos dos adultos. É assim que nós aprendemos a viver. A criança...
Ao longo desses últimos 12 meses analisando o padrão energético do vírus covid-19/Sars/Cov-2, pude fazer correlações importantes. Como...
Transar com alguém não significa que tenho intimidade suficiente com a pessoa. Justamente porque a intimidade está muito além do sexo. Eu...
Dando continuidade de nosso último artigo aonde falávamos sobre orgasmo do ponto de vista de pesquisa, trouxemos a entrevista do senhor...
Para Romo existe uma crença no meio holístico e espiritualista de que a responsabilidade de manutenção da nossa saúde é das consciências...
Nesse texto me refiro a vibrador clitoriano, os modelos menores que só vibram e encaixam perfeitamente no clitóris. Modelos de pênis de...
Muitos me perguntam o que é o Tantra e como desenvolvo meu trabalho ... A primeira pergunta é realmente desafiadora pois é impossível...
Que atire a primeira pedra a mulher que nunca fingiu um orgasmo... Isso ainda é tão comum nos dias atuais que eu fico me perguntando se...
Se você não sabe se alguma vez teve orgasmo, então a resposta é NÃO!💥O orgasmo é um prazer indescritível ponto.Mas vamos as...
A palavra integrar significa “fazer parte de algo”. A sensação ou a idéia de pertencer a algo, alguém, um grupo, ou a um trabalho...
Algumas vezes, as pessoas que me procuram ficam frustradas quanto ao resultado da Terapia, pois estavam na expectativa de "uma...
A doença é um estado do ser humano que indica que, na sua consciência, ela não está mais em ordem, ela registra que não está havendo...
Prática vivencial e experiencial para a sexualidade humana, é um estímulo a mais para ser explorado com bastante consciência, segurança e...
O Tantra abraça muitas práticas que vão desde respiração, meditação, toques e acessos corporais para que você se desenvolva e atinja mais...
Sabemos por conhecimento, indução, percepção ou aprendizado que nossa cultura carrega uma matriz machista vinda de firmes pilares...
Estou sempre trazendo o tema da massagem tântrica e como a respiração é uma das maneiras pelas quais a massagem consegue acalmar e relaxar...
Aromaterapia é uma técnica terapêutica natural que trabalha com os óleos essenciais ,substâncias aromáticas naturais. A aromaterapia pode...
É um crescimento excessivo de células que ocorre na parede do útero. Pequenas bolinhas são formadas, parecidas com custos e se desenvolvem...
Veja todos

Receba novas reflexões por email...