O que posso esperar da minha primeira massagem tântrica x disfunções sexuais

O que posso esperar da minha primeira massagem tântrica x disfunções sexuais

publicado por Verônica Ananda

tags: Tantra, Massagem Tântrica, Terapêutica Tântrica, Terapia Tântrica, Disfunções Sexuais

Toda vez que um interagente me pergunta como deve se preparar para vir a sua tão esperada primeira sessão de massagem tântrica, peço para que de preferência tenha uma boa qualidade de sono, se alimente de maneira leve, e se puder, venha calmo, sem expectativas, não apressado nem ansioso, procuro acalmá-lo com o maior número de informações técnicas possíveis, pois a expectativa é um fator muito prejudicial ao processo pela própria ansiedade que ela gera.

Muitas pessoas vem procurar a massagem tântrica como tratamento de disfunções sexuais, que inclusive, atualmente, é indicada por psicólogos, fisioterapeutas, médicos e outros profissionais da área da saúde, mas é importante que esse interagente compreenda que a terapia tântrica muitas vezes é um tratamento tão sério quanto as terapias convencionais, por isso, não se pode esperar muitas vezes que uma única sessão ou três , ainda que seja, se resolva definitivamente um problema ocasionado há anos ou décadas onde sua origem está oculta por detrás de camadas densas da sua psiquê, das suas couraças emocionais, e toda essa informação celular, muitas vezes deve ser vista e tratada como um trabalho cirúrgico, um passo a passo, com sessões de respiração, meditação ativa, sensitive, massagens tântricas e todo o leque de opções que a terapêutica tântrica proporciona dentro da sua formação. No meu ponto de vista, não é recomendado dar um número exato de sessões para a resolução da questão de cada indivíduo, pode-se sugerir começar com um pacote com um número X ou Y de sessões e a partir daí ir renovando conforme a evolução da terapêutica.

Indo direto ao ponto, se uma mulher que sofre de anorgasmia ou um homem que sofre de disfunção erétil insistem em não seguir as orientações do terapeuta e esse acaba pulando o protocolo, o que pode acontecer muitas vezes é um reforço de trauma. Ela não terá orgasmo “nem com a massagem” e achará que está fadada a isso. Ele não terá ereção “nem com a massagem” e achará que está fadado a isso. E muitas vezes desistem.

Mas, vindo a uma terapêutica de massagem tântrica com um profissional sério, uma coisa é certa: a pessoa que entrou nunca mais será a mesma que sairá da sessão, pois descobrirá muitas coisas sobre si mesma e ingressará num caminho de auto descobrimento sem volta.

Prem Ananda

Verônica Ananda
Não importa qual seja o problema, há sempre uma solução. A única coisa que você precisa fazer é dar o primeiro passo em direção a sua curaSou Verônica Ananda, terapeuta integrativa e estou aqui para ouvir todas as suas queixas pra irmos, juntos, em busca [...]

Veja o perfil completo

Quer receber as newsletters?