A vida genital feminina não é assunto público

A vida genital feminina não é assunto público

publicado por Ivy

O medo de ser condenada pelo comportamento sexual está nas entranhas de quase todas as mulheres.Maria Madalena, que ia ser apedrejada pelo seu comportamento sexual, ainda vive na maioria de nós.
Até hoje a vida sexual da mulher é tratada como se fosse de domínio público. Como se fosse legítimo julgar o que ela faz ou deixa de fazer com a sua genitália.

Esse julgamento, infelizmente, é passado de geração em geração, inclusive por nós mulheres às vezes.
Recentemente atendi uma moça casada que passou a ter um caso extra conjugal. O marido já tinha tido vários casos. O dela foi o primeiro. O marido descobriu e levou o assunto para a família.Isso mesmo: Virou assunto de família! Enquanto ele tinha casos, ninguém falava nada. Quando foi com a mulher, todos se sentiram no direito de opinar, discutir se o casamento continuava ou não, dar palpite, condenar ou absolver. 

E o mais chocante: Essa moça não tinha se dado conta de que colocaram a vida sexual dela como assunto público. Eu tive que apontar isso pra ela. Sabe porque? Porque nós mulheres fomos tão moldadas dessa forma que nem percebemos.
Nós apenas passamos a vida deixando de viver nossa sexualidade do jeito que queremos (isso quando sabemos o que queremos) por medo do julgamento público.

Esse é só um dos exemplos entre centenas de outros. Não estou aqui defendendo que mulheres possam trair seus maridos. De forma alguma! Eu só usei esse exemplo para mostrar a diferença de tratamento para o homem e para a mulher. Você deve conhecer vários outros casos recentes que mostram isso. 

O que eu quero te dizer é : A sua vida sexual é assunto SÓ SEU. O que você faz ou deixa de fazer é da SUA CONTA. Você é dona do seu corpo e do seu sexo. É a SUA intimidade. É a SUA vida. Lembra disso

Ivy
Além do atendimento presencial com terapia corporal tântrica, ensina Tantra à casais e pessoas solteiras. Para os casais o curso proporciona uma elevação do nível de prazer sexual, aumento da qualidade do orgasmo, sensações novas, tira a vida sexual da monotonia e resgata a conexão [...]

Veja o perfil completo

Quer receber as newsletters?