Falo, o centro do Universo

Falo, o centro do Universo

publicado por

Atendo homens como terapeuta tântrica desde 2014. E desde que comecei, muito do que eu pensava sobre eles se transformou e hoje posso a vê-los de modo amoroso e compassivo.

Minha primeira relação com o masculino foi de admiração por meu pai e por outros homens rudes e destemidos que tocavam boiadas, derrubavam novilhos e amansavam cavalos; Depois de inveja: queria a liberdade que usufruiam os garotos e muitas vezes tentei passar embaixo do arco iris para virar menino.

Adolescente, veio a raiva, causada pela inveja dos privilégios que tinham meus irmãos: dormiam até tarde, comiam a melhor comida, não faziam nada em casa, viam tevê a qualquer hora, saiam sem dizer onde iam e chegavam tarde sem dar satisfação. Que raiva!

Adulta, fui tomada pela fascinação, tesão e medo. Sim, medo porque não confiava nos homens, "Homem é bicho" - dizia mamãe. Com a maturidade, os sentimentos negativos foram amainando e outros foram surgindo devagar.

Terapeuta, fui percebendo as fragilidades e as dificuldades de ser homem.
Ao mesmo tempo que ao sexo masculino tudo é permitido, muito lhe é negado: não pode ser meigo, não pode desistir, não pode chorar, não pode vacilar e enfim nunca pode mostrar suas emoções e características femininas. Aliás sua parte feminina deve ser totalmente reprimida para ser considerado "homem de verdade".

Muitos chegam com o lingam (pênis) hipotônico descolorido, desvitalizado, gelado, sem pulsação e desconectado como se este não fizesse parte do resto do corpo. Costumo lhes falar de como esse órgão é delicado e como, no Tantra, é respeitosamente honrado pelo seu significado enquanto canal de energia criativa e prazer, definido como "coluna de sustentação", "bastão de luz".

Mas o que percebo, na escuta do corpo e na conversa em que relatam questões da infância como surras, humilhações, bullying, zoação de irmãos, assédio e molestamento, e várias dificuldades de relacionamento e do "ser homem" é que são muitas as fragilidades, as incertezas e as inseguranças. Ali deitados no colchonete, nus como vieram ao mundo, muitos se revelam meninos que precisam botar para fora o grito preso, a raiva, as mágoas e os medos.

Quantas sessões a finalização foi em meu colo?! Bem diferente essa "finalização" né?

Para finalizar quero dizer, homem, você não é o seu pênis, existe sexo sem penetração e prazer, até mesmo orgasmo, sem ereção. Você não é uma máquina sexual, você quer dar e receber carinho, amor e atenção. Siga seu coração, mostre-se vulnerável e não se preocupe em provar sua masculinidade para ninguém.

Buscar a Terapia Tântrica pode ser o primeiro passo para ressignificar e ampliar as formas de dar e receber prazer. Você pode livrar-se de tanto sofrimento e angústia, que só irão crescer se você continuar a fugir de si mesmo.

Prem Ragini
Terapeuta Tântrica, Renascedora e Instrutora de Cursos Individuais e de grupos "Curso Livre de Massagem Tântrica", com Especialização em Disfunção Sexual e formação também em Renascimento, Terapias Integradas de Respiração (TIR) e em Psicologia Budista na Sanga do CEBB no Recôncavo Baiano. Graduanda em Somatic [...]

Veja o perfil completo




Outras reflexões

É uma inimiga que muitas vezes passa despercebida, acomete mulheres e leva há várias complicações se não for tratada. Alguns artigos que li...
"Que tudo nessa VIDA seja feito com PRAZER, por mais que digam que não, pois só depende de nós..."Aqui estão algumas conexões possíveis...
“Os hormônios são anatomia líquida, são derramamentos que convertem crianças em adultos.”...
Independente se você dirige seu próprio negócio ou tem seu emprego, você pode sentir que está perdendo de vista seus objetivos e motivação....
Arte de Jana Brike Uma das perguntas mais freqüentes que eu recebo é: “Como faço para ter orgasmos?” e um dia destes, no final de um...
A sexualidade deve ser entendida como processo natural do ser humano, fonte de prazer, de bem-estar físico e psicológico. É uma forma de...
Processos terapeuticos tântricosNo começo, anos atrás... eu sempre achava um desafio falar a respeito da massagem tântrica, eis um tipo de...
Vivemos sempre em dualidade: Bem e mal, luz e sombra ,frio e calor. Apesar do aparente contraste entre essas polaridades, olhando mais...
Veja todos

Eventos com data marcada

maio 2024 São Paulo (Capital) SP
maio 2024 Santos SP
maio 2024 Guarujá SP
  • 24 a 26 maio 2024
  • Solteiros e casais
  • sexta 8h a domingo 18h
  • Perfil de Verônica AnandaAnanda Saiba +
maio 2024 Itapeva MG
  • 25 a 26 maio 2024
  • Exclusivo para Mulheres
  • Comunna
  • sábado 9h a domingo 15h
  • Perfil de Surya SangeetaSangeeta Saiba +
maio 2024 Itapeva MG
  • 30 mai a 2 junho 2024
  • Comunna
  • quinta 16h a domingo 16h
  • Perfil de Deva NishokNishok Saiba +
junho 2024 Itapeva MG
junho 2024 Caxias do Sul RS
  • 8 a 9 junho 2024
  • Espaço Gaya
  • sábado 8h a domingo 19h
  • Perfil de Prem Gaya (Melissa Bittencourt)Gaya Saiba +
junho 2024 Itapeva MG
junho 2024 Caxias do Sul RS
  • 15 a 16 junho 2024
  • Espaço Gaya
  • sábado 8h a domingo 18h
  • Perfil de Prem Gaya (Melissa Bittencourt)Gaya Saiba +
junho 2024 Garopaba SC
junho 2024 Brasilia DF
junho 2024 Itapeva MG
julho 2024 São Paulo (Capital) SP
  • 1 jul a 14 agosto 2024
  • segunda 18h a quarta-feira 20h
  • Perfil de Nana TantraNana Saiba +
julho 2024 Itapeva MG
julho 2024 Itapeva MG
julho 2024 Vila Mariana SP
julho 2024 Itapeva MG
agosto 2024 Itapeva MG
agosto 2024 São Paulo (Capital) SP
agosto 2024 São Paulo (Capital) SP
agosto 2024 Itapeva MG
agosto 2024 Itapeva MG
setembro 2024 São Paulo (Capital) SP
  • 4 a 25 setembro 2024
  • Spaco TantraNana
  • quarta 19h a quarta-feira 22h30
  • Perfil de Nana TantraNana Saiba +
setembro 2024 São Paulo (Capital) SP
setembro 2024 Itapeva MG
setembro 2024 Itapeva MG
  • 27 a 29 setembro 2024
  • Turma Extensiva - Módulo 3
  • Comunna
  • sexta 19h a domingo 15h30
  • Perfil de Surya SangeetaSangeeta Perfil de Deva NishokNishok Saiba +
outubro 2024 Itapeva MG
outubro 2024 São Paulo (Capital) SP
outubro 2024 Itapeva MG
outubro 2024 Itapeva MG
novembro 2024 Itapeva MG
novembro 2024 Itapeva MG
  • 14 a 17 novembro 2024
  • Comunna
  • quinta 17h a domingo 15h
  • Perfil de Deva NishokNishok Saiba +
dezembro 2024 Itapeva MG
dezembro 2024 Itapeva MG