Nem sempre o tantra é sobre orgasmos incríveis

Nem sempre o tantra é sobre orgasmos incríveis

publicado por Fernando Gahan

Seria perfeito se toda sessão de tantra fosse sobre super orgasmos, entretanto, não é o que acontece na prática. Os toques tântricos, e a ativação da bioeletricidade do corpo, tem a curiosa propriedade de reativar memórias secretas, inconscientes, e isso significa que traumas, repressões e angústias podem vir a tona.
Uma sessão de tantra pode ser sobre choro, soluços e gritos, e não necessariamente sobre prazer e orgasmo, mas não se assuste, pois é uma liberação benéfica, e por isso o tantra não pode ser reduzido a uma "massagem", mas sim, deve ser tratado como uma "terapia corporal".
Todas as repressões e traumas que vivemos desde a primeira infância, ficam armazenadas no corpo, na memória muscular, e acabam formando bloqueios emocionais e psíquicos. É o que Wilhelm Reich, chama de "Couraça do Caráter" em sua obra "A função do Orgasmo". As couraças são defesas, que tem a importante função de evitar o nosso sofrimento, entretanto, com o tempo se tornam defesas antigas, já ultrapassadas, de quando éramos muito novos, e que podem ser (e geralmente são) prejudiciais, justamente por não serem mais úteis no campo da proteção do sofrimento, e acabam nos privando de viver uma vida plena e feliz.
Um terapeuta tântrico precisa estar preparado para lidar com essas situações, pois é muito comum, que ao invés de prazer, êxtase e orgasmos expandidos, o indivíduo pode manifestar lembranças de pequenos ou grandes traumas, como abusos sexuais, rejeições e também abandono. Reativar essas lembranças é algo doloroso, porém pode ser muito importante para o indivíduo entender vários comportamentos de sua personalidade. A consciência do trauma é um grande passo para a liberação e superação do mesmo. Com o tempo, e fazendo sessões com alguma frequência, o corpo vai se libertando desses traumas, e tendo cada vez mais abertura para o prazer, para a plenitude, e aí sim para os orgasmos expandidos.
O tantra é uma terapia muito resolutiva para diversos aspectos da vida, que vão muito além do campo sexual. Nem sempre uma sessão de tantra é sobre orgasmos incríveis, mas sempre é sobre se conhecer melhor, com profundidade.
Tantra é vida, tantra é expansão, é liberação, é consciência!

Fernando Gahan
Terapeuta tântrico, certificado em todas as modalidades do Método Deva Nishok de Terapêutica Tântrica."O corpo tem memória, e o toque reativa essas memórias. Só precisamos de coragem para olhar para dentro. Para dentro do corpo. Para dentro do afeto. Nascemos para ser tocados! ".Permita mais [...]

Veja o perfil completo

Quer receber as newsletters?