Fui traída(o), e agora?

Fui traída(o), e agora?

publicado por

Fiz esse texto para falar sobre traições amorosas, onde muitas vezes relacionamentos chegam ao fim, e tem aqueles que tudo suportam e conseguem virar a página de uma traição.

A verdade é que ninguém almeja ser traído! Dói, fere, quebra a confiança. No meio do caminho descobrimos uma traição, o que fazer?

O primeiro passo é se recolher, você precisará de um tempo para assimilar, enfrentará uma espécie de luto, desamparo, raiva, desejo de vingança.

Procurar culpados pode implicar em busca de punição. Acredito que não seja interessante procurar culpados. Se o foco for punição esse justamente não seria priorizar o que o outro fez? O foco em se reestruturar emocionalmente não parece mais interessante?

Geralmente o traído(a) se coloca no lugar de vítima, onde afirma não merecer, e consequentemente passa a ser o “coitadinho(a)”, e aquela frase fica martelando na cabeça:“porque você fez isso comigo?”.

Eu passei a entender que quem trai não faz para atingir o outro. Óbvio que foi uma escolha, mas na grande maioria dos casos quem trai faz de tudo para preservar o traído, justamente porque não o quer ver sofrer, talvez seja nessa prática que o ditado “o que os olhos não vê o coração não sente”.

Na minha opinião ninguém está passível desse erro, se uma traição fizer parte da relação é possível avaliar os significados de tudo, e por mais que seja difícil, entender os motivos do outro pode fazer com que essa situação seja mais leve, trazendo maturidade nas tomadas de decisões.

Pode ser que você já tenha passado por isso, e um filme veio à sua mente, pode ser que você não concorde com nada do que leu, pode ser que você traia e acha que nunca será traído(a), pode ser que você tenha concordado com tudo e pode ser que não tenha passado por nenhuma situação.

Pode ser tantas coisas não é mesmo?

Traição não merece apoio. Se colocar no lugar de vítima não resolve, não recomendo responsabilizar alguém.

Entender que o erro do outro não é pior que o nosso cria uma empatia para a humanidade. Criamos sabedoria e iremos escolher o peso das nossas cargas.

Namastê!

Agni Maharani (Tina)
Terapeuta Corporal, utiliza as massagens e meditações tântricas do Método Deva Nishok para proporcionar estados alterados de percepção e consciência. Atua no processo de auto-conhecimento, cura de bloqueios e traumas emocionais, disfunções sexuais, além de expandir e intensificar a sensação orgástica. Atende homens e mulheres [...]

Veja o perfil completo

Outros reflexões para você

Você já se perguntou se tem tempo suficiente sozinho a cada dia? O tempo sozinho, se você se render totalmente à impetuosidade e à...
Muitos casais possuem dificuldades, limitações e condicionamentos que não lhes permitem alcançar o prazer, a intimidade e o orgasmo em sua...
O que a gente carrega com a gente o tempo todo, determina muitas coisas nas nossas vidas. Carregue consigo as lembranças gostosas das...
No artigo anterior, falamos sobre campos intrusos chamados obsessivos. Com muita frequência, tenho acompanhado a destruição que isso pode...
Pompoarismo é uma prática de fortalecimento do assoalho pélvico praticada a muitos anos, não só por mulher, mas por homens também. É...
Revelar seus desejos sexuais, se torna uma tarefa de alto risco, dependendo de algumas relações. Segundo Nancy Friday, muitas mulheres têm...
Estamos vivendo entre jovens viciados em pornografia, mães solteiras aos 14 anos, casais que não conseguem manter uma relação por muito...
Sem dúvida o tempo ameniza o sofrimento de um término de relacionamento. As coisas vão ficando mais distantes, as memórias mais apagadas e...
Durante o tempo como praticante de vivências tântricas, pude constatar sobre o fascínio das pessoas pelo orgasmo de corpo inteiro. De fato,...
Vamos ser sincero, quando foi a última vez que você quis se jogar nos braços de seu parceiro? Se a resposta for no mês passado ou alguns...
Vivemos em uma sociedade que perdeu o corpo. Curioso ver que estamos ao mesmo tempo obcecados pela estética e pela saúde - aparência e...
É comum que diante das obrigações e responsabilidades do dia a dia, nos esqueçamos de olhar para as coisas lindas que temos a oportunidade...
A pele é o maior órgão do corpo. Através dela, podemos ter a experiência do tato, um dos incríveis 5 sentidos. Curiosamente, vivemos numa...
É comum que a gente faça com que as coisas que não queremos que cresçam, ganhem uma importância muito maior do que têm, quando não...
Aqui é a Pema e o Thiago compartilhando nossas reflexões a respeito do relacionamento íntimo entre duas pessoas. No relacionamento íntimo...
Há diversos fatores que levam uma mulher a permanecer num namoro ou casamento, mesmo sendo ruim/abusivo, eis alguns:- Baixa autoestima.-...
Como somos carentes de afeto, de atenção, de carinho. Na fase adulta queremos receber respostas afetuosas e somos pegos pela frustração de...
No nosso último artigo, falamos sobre o tema Implantes astrais, o que são e como atuam na sexualidade. No último artigo, iniciamos a...
Vou começar trazendo um dos conceitos de autonomia. Uma das definições encontradas é que autonomia é a capacidade de um indivíduo racional...
Veja todos

Receba novas reflexões por email...