Sexo casual depois do Tantra

Sexo casual  depois do Tantra

publicado por Kênia Matos

Quando você faz trabalhos com você mesma de autoconhecimento corporal, autoprazer, meditações ativas para liberar suas emoções, você fica mais sensível e exigente.

Você começa a pensar mais sobre as trocas energéticas , e começa a selecionar mais com quem você quer ter mais intimidade.

Quando você se entrega e se aprofunda em você mesma, você começa a se olhar com mais amor, mais carinho, e começa a pensar sobre não aceitar menos do que você merece em todos os sentidos.

Quando você trabalha a sua energia sexual, que é a sua energia vital, energia da criação, muita coisa vai mudando dentro de você.

O seu olhar com o sexo automaticamente vai mudando, você começa a observar o quanto a pessoa te respeita, se respeita o seu tempo, o seu corpo, seu templo sagrado, você vai querer mais afeto e prazer.

Então, em minha percepção você pode sim ter um sexo casual, vivenciar algo com alguém uma única vez, escolhendo bem a pessoa , e conduzir ela para a sua energia.

Se você tem conhecimentos que o outro(a) não tem, você pode convidar a pessoa para fazer algo diferente, traz um tratak a meditação de olhar fixo nos olhos, encosta a boca na dele(a), e conduz uma respiração, e outras práticas que você conhece.

Pode ser um encontro casual e lindo, e sinta se a pessoa se abre ao seu convite e se conecta com a sua energia, nem todo mundo tem a oportunidade de conhecer outras formas de se relacionar, e você pode mostrar, se permita .

Kênia Matos
Sou do Maranhão, mas tenho 10 anos que moro em Salvador, tenho 31 anos, por sair cedo de casa passei por grandes processos em minha vida, o que me levou a cursar Psicologia, estou no 10• semestre, e também para o Tantra, e tive o [...]

Veja o perfil completo

Quer receber as newsletters?