Massagem tântrica: nova forma de se relacionar com o corpo e a sexualidade

A massagem é utilizada para ajudar pessoas que passaram por traumas sexuais ou psicológicos

Massagem tântrica: nova forma de se relacionar com o corpo e a sexualidade

Correio Braziliense

com &

A técnica de massagem permite que a pessoa vivencie a expansão dos próprios limites sexuais, alcançando o estado de felicidade plena. Foto: @Mariolh/Pixabay
A técnica de massagem permite que a pessoa vivencie a expansão dos próprios limites sexuais, alcançando o estado de felicidade plena. Foto: @Mariolh/Pixabay

Não é massagem com final feliz, sexo e, muito menos, uma orgia, como muitos ainda acreditam. A massagem tântrica é uma técnica baseada no tantra, um antigo conjunto de práticas espirituais e ensinamentos surgido na Índia e que busca expandir a sensibilidade por meio da bioenergia do corpo, com diferentes aplicações terapêuticas.
Segundo especialistas no assunto, essa técnica de massagem permite que a pessoa vivencie a expansão dos próprios limites sexuais, alcançando o estado de felicidade plena. A descarga orgástica faz parte do processo, mas, embora poderosa, é considerada secundária em relação à meta final, que é alcançar o estado transcendental do corpo.
> Leia os depoimentos de uma mulher e de um homem que experimentam a massagem tântrica pela primeira vez
Os terapeutas Sarahá e Vitor Shiv, do Centro de Desenvolvimento Integral Metamorfose, em Brasília, explicam que a massagem é utilizada, também, para ajudar pessoas que passaram por traumas, sejam eles sexuais ou psicológicos. Além disso, o tantra ajuda no tratamento de problemas variados, da ejaculação precoce à depressão.
Foi para lidar com as sequelas deixadas por um abuso sexual praticado pelo ex-namorado que a estudante Fernanda*, 26 anos, buscou a técnica. A violência vinda de uma pessoa em que ela confiava prejudicou a relação da jovem com o próprio corpo e a sexualidade.
Para retomar a confiança, buscou a ajuda de uma terapeuta tântrica. "Faço com uma mulher, pois ainda não tenho confiança o suficiente para fazer com um homem. Mas pretendo fazer futuramente, para perder o medo", conta.
A estudante diz que, mesmo tendo feito apenas duas sessões, já sente os efeitos da terapia. "Logo após a primeira sessão, eu já consegui retomar minha vida sexual. Não completamente, mas fiquei muito mais solta e com menos medo", observa. "Agora sei do que meu corpo é capaz, conheço o prazer que ele pode proporcionar para mim e para os meus parceiros", celebra.
Massagem tântrica como forma de autoconhecimentoSegundo a terapeuta Daricha, do Atman — Consciência e Tantra, a massagem revela muito sobre a pessoa que a recebe. "Ela fala sobre a nossa verdade e nossas características emocionais. A história de alguém está marcada em sua pele, que, quando tocada, acorda memórias marcantes", diz.
A possibilidade de se conhecer melhor é o que mais atrai o profissional de marketing Alexandre Passos, 42 anos. "Estava buscando autoconhecimento, e o tantra foi uma das formas que me indicaram para alcançar esse objetivo", conta. "É uma nova relação com a sexualidade e excelente ferramenta de meditação, dentro de um ambiente respeitador. É algo sério", define.
Passos, que fez um curso de imersão de quatro dias, revela que, até conhecer o tantra, havia colocado sua sexualidade no "pior lugar possível". "O sexo não é como nos foi ensinado desde criança, quando éramos instruídos a negar estímulos naturais do ser humano".
Pesquise as referênciasA terapeuta Daricha instrui que, caso surja interesse em fazer a massagem, deve-se procurar um profissional que tenha boas referências, com quem a pessoa se sinta à vontade e que demonstre plena capacidade em conduzir de maneira responsável a terapia.

Veja a matéria completa na página original (Correio Braziliense)




Outras reflexões para você

É comum que a gente faça com que as coisas que não queremos que cresçam, ganhem uma importância muito maior do que têm, quando não...
A libido feminina pode sofrer alterações naturais ao longo da vida, periodicamente, com altos e baixos. Porém, os casos de baixa libido...
Você tem o hábito de expressar o que sente? Ou abafa as suas emoções para não desagradar ou ser visto como chato(a)? Tudo o que sentimos é...
A sexualidade é uma energia vital que geramos continuamente em nossos corpos.Uma maneira de refinar nossa consciência dessa energia é...
1-) Orgasmo é uma coisa, ejaculação é outra.Achou estranho? Mas é isso mesmo!Orgasmo é um reflexo neuromuscular. Os músculos, se...
Foram inúmeras as vezes que atendi pessoas, tanto homens quanto mulheres, com queda do desejo sexual ou dificuldade de ter prazer,...
A doença é um estado do ser humano que indica que, na sua consciência, ela não está mais em ordem, ela registra que não está havendo...
A raiva é uma emoção desprezada em nossa cultura. Se você foi ensinado desde cedo a sentir vergonha, por ter raiva ou por expressá-la, você...
Wilhelm Reich foi o primeiro cientista a descrever a natureza e o propósito do orgasmo como uma descarga de excesso de bioenergia com a...
Eu já fui julgada pelo meu comportamento sexual. Fui agredida verbalmente e moralmente. Foi em um relacionamento. No começo era tudo lindo...
Abuso de qualquer natureza é uma conduta despropositada, que deve ser a todo custo rechaçada e que acarreta traumas profundos. Dentre todas...
Por que fazer sexo e não ejacular? Para muitas pessoas, o clímax do sexo é o momento do orgasmo e da ejaculação: uma energia explosiva...
Em nossa sociedade moderna, com as rotinas agitadas e estressantes que levamos, não damos prioridade para aprendermos sobre sensualidade....
Atendo homens como terapeuta tântrica desde 2014. E desde que comecei, muito do que eu pensava sobre eles se transformou e hoje posso a...
Parece que está cada vez mais difícil se relacionar amorosamente. Segundo Zygmunt Bauman, estamos vivendo a era dos amores líquidos, onde o...
Você já se sentiu diminuído diante da presença de alguém que você admira muito? Ao nos compararmos, podemos acabar acreditando que uma...
Às vezes, sentimos incômodos quando nos criticam ou nos insultam, mas inconscientemente estamos nos criticando e nos cobrando; isso é a...
Buscando compreender de forma mais aprofundada sobre as bases biológicas do A.M.O.R, encontrei um artigo científico que abordava sobre...
O Clitóris foi reconhecido como parte da sexualidade a partir de 1960, antes disso dentro da ciência era ignorado, mas se voltarmos no...
O Tantra não está ligado a incríveis performances sexuais, orgias mirabolantes ou sexo grupal como frequentemente se propaga por aí. As...
Veja todos

Receba novas reflexões por email...