Como saber se tive orgasmo? Saiba como identificar

Como saber se tive orgasmo? Saiba como identificar

publicado por

Tremores, calafrios, espasmos involuntários, batimento cardíaco acelerado, pupila dilatada, contração da musculatura do corpo. Você já identificou alguma dessas sensações?

Esses são alguns aspectos possíveis que respondem à pergunta: “como saber se tive orgasmo?”. Cada mulher sente o orgasmo de forma diferente, isso é um fato.

Você pode experimentar conversar com algumas amigas e saber como foi a experiência orgástica delas. Cada relato será diferente do outro; algumas dirão que sentiram o corpo quente, ou que sentiram contrações fortes, acompanhadas de um relaxamento em seguida.

Quer entender mais sobre o assunto? Então, continue acompanhando o conteúdo que preparamos para você a seguir!

Como saber se tive orgasmo? Antes, entenda o que ele é

Explicando de forma simples, o orgasmo é o ápice do prazer sexual, que gera inúmeros benefícios fisiológicos e psicológicos.

Inclusive, pesquisadores canadenses da Universidade de Concórdia relataram que a dopamina — hormônio liberado durante o orgasmo — está relacionada com a autoestima, criatividade e sociabilidade.

Porém, muitas mulheres ainda encontram dificuldades em atingir o orgasmo. Uma das razões pode ser a falta de intimidade com o próprio corpo.

O corpo feminino possui diferentes zonas sensíveis e, portanto, é fundamental conhecê-lo para atingir o clímax mais facilmente. Além disso, fatores externos também podem atrapalhar essa jornada, como preocupação excessiva, insegurança, ansiedade e outros.

Existem diferentes formas para a mulher alcançar o orgasmo. São elas:

Conheça a Resposta Sexual Feminina

Resposta sexual feminina

Para que você consiga responder à questão “como saber se tive orgasmo”, é importante falarmos sobre a resposta sexual feminina.

Esse fenômeno também é chamado de estágios do sexo, e consiste nas reações psicológicas e somáticas que acontecem no corpo feminino desde o desejo sexual até o orgasmo.

Não há como atingir o prazer e satisfação sexual sem passar por esse ciclo. Cada fase é desencadeada por uma série de estímulos que, antes de tudo, precisam ser consentidos e desejados.

Do ponto de vista biológico, durante a fase de excitação sexual, há um aumento do fluxo sanguíneo para os órgãos genitais, provocando inchaços dos grandes e pequenos lábios e a lubrificação vaginal.

O clitóris e os bulbos recebem uma quantidade maior de fluxo sanguíneo durante esse período, aumentando a intumescência.

As glândulas responsáveis pela lubrificação, e que também auxiliam na ejaculação feminina, são as glândulas uretrais, de Skene e Bartholin. Todos esses fatores contribuem para que ocorra uma explosão orgástica!

Em suma, a resposta sexual feminina passa pelas seguintes etapas: desejo, excitação, orgasmo e resolução. Nessa última fase, o corpo retorna ao estado pré-estímulo.

Quais as reações do corpo ao orgasmo?

Para responder à sua pergunta “como saber se tive orgasmo” de um modo mais direto, explicaremos agora tudo o que acontece no corpo feminino durante o orgasmo.

À medida em que você recebe diferentes estímulos — especialmente nos pontos citados mais acima —, seus níveis de excitação e prazer começam a aumentar, mas variando sem grandes picos inicialmente.

O orgasmo vem a partir dessas oscilações, até atingir um ápice de prazer. Seu pico vem acompanhado de alguns fatores corporais visíveis que podem variar de mulher para mulher.

Em geral, consistem na perda do controle do corpo, contrações, especialmente no abdômen, músculos internos, mãos e pés e no órgão genital.

Algumas mulheres ainda conseguem experienciar o orgasmo por meio da massagem tântrica ou meditação orgástica.

Depois do ápice, pode acontecer do corpo entrar no período refratário, que acontece de forma distinta para cada mulher. Algumas se sentem mais dispostas e outras preferem descansar.

Também pode acontecer a hipersensibilidade no clitóris quando o estímulo não é interrompido após o orgasmo. Por outro lado, existem aquelas que gostam de continuar se estimulando, gerando vários orgasmos, conhecido como o orgasmo múltiplo.

Vale destacar que todos esses sinais variam bastante de mulher para mulher, por isso não se apegue tanto à parte teórica. Confira outros sinais do orgasmo feminino mais detalhadamente abaixo.

Contração involuntária dos músculos

Algumas mulheres sentem contrações involuntárias dos músculos do pescoço, dos braços, pernas e pés. Tratam-se de reações motoras comuns de surgirem durante o orgasmo.

Respiração acelerada

Com o orgasmo, a respiração costuma ficar mais acelerada. Isso acontece devido às contrações musculares que ocorrem logo antes do ápice.

Batimentos cardíacos aumentados

Outro hormônio que também é liberado na relação sexual é a adrenalina. Por isso, o coração acelera e surge a sensação de taquicardia.

É assim que a circulação sanguínea aumenta, atingindo os músculos da região pélvica, especialmente. Mais um sinal que pode te ajudar a responder sua pergunta “como saber se tive orgasmo”.

Lubrificação

Um dos primeiros sinais do orgasmo feminino é o aumento da lubrificação vaginal. Ela aparece logo no início do desejo sexual e vai aumentando sua quantidade conforme você recebe mais estímulos e seu prazer cresce.

Como vencer os julgamentos?

Nós, seres humanos, temos um sistema de crenças culturais, sociais e pessoais que nos acompanham ao longo da vida, podendo ser modificado de acordo com a nossa experiência. Além disso, o prazer feminino sempre esteve cercado de tabus.

Sabemos que vencer os julgamentos — sejam eles externos ou internos — não é fácil. Mas, você pode começar identificando quais são as suas crenças, bloqueios ou julgamentos sobre o orgasmo, prazer e sexualidade feminina.

Muitas dessas questões podem estar ligadas não só à sua percepção sobre o assunto, mas com suas relações interpessoais. Podemos destacar os principais:

Para ter uma relação saudável com a própria sexualidade, e aumentar as chances de atingir o orgasmo, existem algumas práticas que podem ajudar. Evite comparar sua experiência com a de outras mulheres, por exemplo. Afinal, cada história é única.

Importância do auto toque

A importância do auto toque


O auto toque, mais especificamente a masturbação, nos conecta com a exploração do nosso corpo, havendo ou não desejo. Também é um ótimo passo para tirar sua dúvida de “como saber se tive orgasmo”.

Geralmente, queremos realizar o auto toque só quando estamos com tesão, mas a proposta é que você possa tocar o seu corpo de maneira livre.

Isso contribui para que você possa ter autonomia para o autocuidado e buscar uma resposta do seu corpo, sem expectativas. A partir da estimulação, pode até surgir o desejo.

O foco é que você possa experimentar essas variações de pico. Sem julgamento e sem expectativa, ok? Não existe um caminho para chegar; o intuito aqui é curtir o processo e se deliciar com as sensações que serão despertadas.

Como saber se tive orgasmo: a relação com o tantra

Orgasmo e tantra


Por meio do Tantra, é possível trabalhar as questões que acabam nos impedindo ou dificultando de dar um passo à frente na nossa sexualidade. É uma reeducação sensorial.

Diferentemente de outras filosofias especulativas, o Tantra propõe uma abordagem mais prática, que se concentra nos sentimentos. Qualquer mudança, mesmo que seja mais sentida do que racionalizada, afeta nosso comportamento.

No caso da sexualidade, os princípios tântricos buscam quebrar inúmeros paradigmas e preceitos que criamos em relação ao sexo. Muitos deles foram construídos sem nem percebermos.

Nesse sentido, a primeira lição é a de que ninguém é responsável pelo prazer alheio. Na realidade, cada um precisa entender seus próprios limites e, assim, controlar sua energia sexual.

A partir disso, novos estímulos são descobertos; a bioeletricidade do corpo é despertada e, assim, o orgasmo é experienciado para além dos músculos genitais. Toda sua energia se concentra na musculatura corporal.

Consequentemente, os 5 sentidos são redescobertos e passam a fazer parte da relação de forma integral. Os parceiros se conectam melhor, exploram cheiros, gostos e aprendem a se comunicar com maior fluidez.

Isso aumenta a cumplicidade positiva da relação e fortalece a união do casal. Porém, como qualquer outro aprendizado, você precisará começar em um ritmo que respeite seus limites.

Assim, cada dia será um novo aprendizado e uma nova oportunidade de explorar seus sentidos!

Conclusão

Essas foram as nossas dicas para você conseguir responder à pergunta “como saber se tive orgasmo” sem problemas.

Como pode notar, a sexualidade feminina está cercada de pormenores que, caso você não exercite o autoconhecimento, podem prejudicar sua experiência sexual e atrapalhar sua jordana pelos estágios do sexo, até atingir o orgasmo.

Nesse aspecto, o Tantra chega para te ajudar a redescobrir novas sensações e transformar sua relação com seu próprio corpo. Ao contrário do que se acredita, não existe uma norma que especifique quanto tempo a relação tântrica deve durar.

Afinal, no sexo tântrico, não existe uma corrida em busca do orgasmo. Em vez de simplesmente liberar a bioenergia, seu objetivo é acumular e expandí-la por todo o corpo, a levando por toda a coluna até o último Chakra.

Gostou das nossas dicas? Então, conheça a Rede Metamorfose e descubra o poder do Tantra!


Lorena
Leia as informações:Atendimento Terapêutico, se você busca massagem relaxante, eu não ofereço; - Não faço programa em qualquer hipótese, a Rede Metamorfose não é um site de prostituição. Não me envie mensagens de madrugada. - Fale comigo somente se busca uma Terapia e queira tratar/olhar [...]

Veja o perfil completo

Outras reflexões para você

Houve um momento em minha jornada tântrica em que percebi o quão importante é entender e integrar a polaridade masculina e feminina.Mesmo...
Você trouxe em sua mensagem o desejo de trabalhar aspectos da sua personalidade que resultaram em quadros de ansiedade, insegurança,...
Exercitar os músculos do seu corpo é muito importante para manter uma vida saudável e ativa. E não, não estamos falando dos bíceps, tríceps...
O prazer feminino é uma construção, parte dele é alcançado através do corpo, outra parte na cabeça e um pedaço significativo na emoção....
A diferença entre a liberdade de alguém e a autoindulgência, é que eles estão dispostos e corajosos o suficiente para integrar e enfrentar...
Altas expectativas em relação à "performance" sexual causam muita frustração.Muitas mulheres me procuram buscando ter orgasmo vaginal,...
No nosso último artigo, falamos sobre o tema Implantes astrais, o que são e como atuam na sexualidade. No último artigo, demos seguimento a...
1-) Orgasmo é uma coisa, ejaculação é outra.Achou estranho? Mas é isso mesmo!Orgasmo é um reflexo neuromuscular. Os músculos, se...
Wilhelm Reich foi o primeiro cientista a descrever a natureza e o propósito do orgasmo como uma descarga de excesso de bioenergia com a...
Aromaterapia é uma técnica terapêutica natural que trabalha com os óleos essenciais ,substâncias aromáticas naturais. A aromaterapia pode...
A raiva é uma emoção expressiva, sua direção é para o exterior do organismo. Quando a pessoa reprime esse sentimento, ela impede o fluxo...
A liberdade pode ser de três tipos, e esses três tipos tem que ser bem entendidos. A primeira é liberdade de, a segunda é liberdade para e...
O sexo no primeiro encontro não era ou é considerado um problema para os homens, pelo contrário, muitos vão com esse desejo e ficam...
Os Tantras são um apanhado de antigas escrituras consideradas sagradas por grande parte da humanidade, em sua maioria habitantes do...
Na página 145, do livro “JESUS, o maior psicólogo que já existiu”, de autoria de Mark W. Baker, está escrito: “Odiamos nos outros o que não...
Os abusos sexuais representam uma das questões mais complexas quando falamos sobre a capacidade curativa do corpo. As feridas de um abuso...
A vida tem como ponto de partida a conexão entre duas pessoas. No espaço entre o nascimento e a procriação o ser vem de uma conexão e a...
A comunicação é uma das nossas ferramentas mais efetivas ao qual possuímos e é o que nos diferencia dos demais mamíferos e animais sendo...
Todos nós passaremos por momentos em que nossos corpos não funcionarão sexualmente da maneira que gostaríamos.Seja por falta de desejo...
A pele é o maior órgão que nós temos e esbanja potencial. Você busca explorar esse potencial? Através da pele podemos nos conectar com o...
Veja todos

Receba novas reflexões por email...