Dor no Sexo (Dispareunia)

Como a Terapêutica Tântrica pode ajudar?

Dor no Sexo (Dispareunia)
tags: Tantra, Terapêutica Tântrica, Disfunções Sexuais, Tantra para Mulheres

Chamada de “dispareunia”, a dor que ocorre durante as relações sexuais pode representar para as mulheres um empecilho maior à satisfação sexual. Nessa situação, que pode ocorrer em qualquer idade, a dor pode aparecer no começo das relações sexuais, no meio, durante a penetração ou fora dela, no momento do orgasmo ou até mesmo depois que as relações acabaram.

A dor pode ser ardente, aguda, causticante ou espasmódica; pode ser externa, na vagina, ou dentro da região pélvica ou do abdomen. Não se conhece ao certo a incidência da dispareunia, mas estima-se que 15% das mulheres adultas, sexualmente ativas, já sentiram dor durante o coito (penetração) algumas vezes por ano. As pesquisas demonstram que é alto o número de mulheres adultas que têm relações sexuais dolorosas com frequência.

A dispaurenia retira o prazer sexual de uma pessoa e pode interferir na excitação sexual e no orgasmo. O medo da dor pode produzir ansiedade, tensão e afetar totalmente os reflexos que produzem a excitação. Em muitos casos a pessoa acaba evitando o ato sexual ou abstendo-se de todas as formas de contato sexual, com implicações até no retraimento das relações.

Os parceiros de mulheres com dispareunia devem ser muito compreensivos e sensíveis aos seus sentimentos, auxiliando-a na busca por tratamentos que a acolham e a ajudem a superar o problema.

Nosso tratamento

Na Comunna Metamorfose, por meio do Método Deva Nishok, desenvolvemos uma metodologia onde o terapeuta sente e reconhece os sinais fisiológicos que o corpo comunica, reduzindo as tensões e conectando, pouco a pouco, os músculos sexuais com o prazer.

Dependendo da gravidade e da intensidade do problema, o “trauma”, arquivado pelo reflexo neuro-muscular no corpo da pessoa, vai se abrindo e sobrepondo a experiência traumática com novas informações relativas ao prazer e ao orgasmo.

Alguns casos são resolvidos com uma única sessão, enquanto outros necessitam de 3 a 10 sessões, passando por processos de reeducação sensorial.

Nos atendimentos, o terapeuta não confronta o sistema de defesa do corpo, pois isso somente reforça o trauma. Num trabalho complexo de reintegração da aceitação e do afeto, vai reorganizando as sensações fazendo com que o corpo se abra naturalmente, permitindo-se experimentar novos níveis de aprofundamento sensorial, sem armar as defesas que produziam a tensão e a dor que afetam o ato sexual.

Em poucas sessões a mulher é capaz de experimentar o prazer e readquirir a confiança necessária para viver a sua sexualidade plena.

Encontre um terapeuta credenciado em sua cidade

Outras reflexões para você

A doença é um estado do ser humano que indica que, na sua consciência, ela não está mais em ordem, ela registra que não está havendo...
É comum muitas pessoas procurarem conhecer o Tantra em função do aspecto sexual. Não há nada de errado nisso. Contudo, é importante abrir a...
A pele é o maior órgão do corpo. Através dela, podemos ter a experiência do tato, um dos incríveis 5 sentidos. Curiosamente, vivemos numa...
Depois de um certo tempo juntos, é comum que casais experimentem o esfriamento da sua vida sexual a dois. Rotina, estresse, horários que...
Durante séculos, a mulher foi privada do orgasmo por ele não estar vinculado à procriação. Só mais tarde o orgasmo feminino passou a ser...
Por estarmos conectados uns aos outros nas interações sociais, as vezes as energias negativas aparecem e não sabemos sua fonte. No filme...
Se o corpo foi proibido de ser olhado, de ser tocado, de ser venerado, automaticamente fomos proibidos de evoluir, de sentir tudo que nele...
Chamada de parafilia (preferência sexual fora da normalidade), a podolatria pode ser definida como uma atração nos pés, como se os pés...
Já parou pra pensar quando você ouviu falar de sexo e a forma como pratica? Vamos analisar se tivemos ou não educação sexual e de que...
Essa é uma questão recebida frequentemente dentro da Terapia. Muitos casais tem dificuldade de estabelecer um diálogo de forma aberta e...
Aqui vou eu, bem ousada, falar de algo muito importante: a higiene íntima masculina. Falar de higiene feminina é muito comum e não é...
Insultos à vagina afetam diretamente o corpo das mulheres. O que as mulheres ouvem em relação a vagina causam reações positivas ou...
Já aconteceu com você, uma situação em que acreditou que deveria ter uma ereção e não conseguiu? EXPECTATIVAS, EREÇÕES E MASSAGEM TÂNTRICA...
Estou sempre trazendo o tema da massagem tântrica e como a respiração é uma das maneiras pelas quais a massagem consegue acalmar e relaxar...
O ato feminino de ejacular denomina-se “squirt”, é expelido pela uretra num momento de prazer. Não são todas as mulheres que já...
Tremores, calafrios, espasmos involuntários, batimento cardíaco acelerado, pupila dilatada, contração da musculatura do corpo. Você já...
Não devemos dar nem receber,mas permanecer natural, porque Mahamudraestá para além de toda aceitação e rejeição.Já que alaya não é...
Algo muito mágico, quase onírico de quem se abre ao caminho dos ensinamentos e praticas do Tantra é a percepção apurada, de si, do outro e...
O ocidente nos condicionou a acreditar que a nossa nossa alma não é imortal, que junto à morte tudo acaba, mas se o nosso propósito é a...
No tantra a essência da consciência feminina e masculina não se reduz a visão mulher e homem, muito menos a genitalia. Talvez...
Dispositivo intra uterino (DIU) é um método contraceptivo que impede o contato dos espermatozoides com os óvulos. O dispositivo tem o...
Veja todos

Receba novas reflexões por email...