Somos todos Curadores feridos

Somos todos Curadores feridos

publicado por Vanessa da Silva (Deva Yatri)

Todos relutamos em nos tornar vulneráveis, em

mostrar o que temos dentro de nós, sejam coisas positivas ou negativas. Vivemos com medo de mostrar nossas verdades, nossas fraqueza, sentimos vergonha e nos escondemos, achamos que somos os únicos ou que a nossa dor é desprezível. Isso é muito difícil, a não ser que nos sintamos seguros para nos expor.

Creio que a melhor maneira de começar a encontrar o significado da sua doença é perguntar a si mesmo:

-Pelo que anseio e ainda não realizei em minha vida?

Você vai encontrar uma ligação entre esse desejo não realizado e sua doença. Cada um precisará de tempo e de muito amor para se mostrar. Devemos dar uns aos outros espaço e apoio, por meio desse ferimento que todos estamos aprendendo a amar. Esse ferimento interno que temos é o nosso maior mestre, devemos reconhecer quem realmente somos por dentro, somos a bela essência, apesar das camadas de dor e de raiva que nos encobrem.

Cada um de nós é único em sua individualidade, é muito bom que seja assim. Devemos nos tornar curadores feridos, ajudando-nos mutuamente a compartilhar a verdade do nosso ser interior.

Cada um de nós deseja ardentemente ser, compreender e expressar quem realmente somos. Esse anseio é a luz interior que nos orienta ao longo do nosso caminho evolutivo. Falo aqui não apenas da saúde do corpo físico, mas também da saúde do espírito, a saúde da alma. É segundo essa estrutura da realidade que todos os problemas relacionados com a vida e saúde podem ser resolvidos. Viver no nível físico é viver no amor, desenvolver as nossas qualidades superiores e nos unirmos ao divino. Quaisquer que sejam as circunstâncias da vida atual, é disso que trata a vida. Qualquer que seja a dor, o problema ou a doença, esse é o ensinamento, trata-se de aprender a amar, lembrar que você é divino. Esse é o seu processo de aflorar à luz.

Cada um de nós nasceu com a missão de refazer a ligação com o âmago do nosso ser para isso precisamos acabar com os bloqueios existentes, isso é missão de vida. Ao realizá-la, á liberação das energias criativas e podemos compartilhar com o mundo. Ninguém além de você vai curar a você mesmo. Você inteiramente é capaz de fazer isso. O processo de curar uma doença pessoal é na verdade um ato de fortalecimento, essa é uma jornada pessoal um rito de passagem. Considerando as coisas a partir de uma perspectiva mais abrangente, a doença é causada por um anseio não realizado. Quanto mais profunda a doença, mais profundo o anseio. De alguma forma você esqueceu de quem é, qual é o seu propósito, e da sua energia criativa. A doença é o sintoma: a doença representa seu desejo não realizado. Assim, acima de tudo, use a sua doença para se libertar e poder fazer e ser o que sempre quis, para expressar e manifestar quem você já é a partir de sua realidade mais profunda, mais ampla e mais elevada.


Vanessa da Silva (Deva Yatri)
Psicoterapia Corporal, Terapeuta formada em Terapia Tântrica, Renascimento e Terapias Integradas de Respiração pela Comunna Metamorfose. Formada em ThetaHealing, TRE® Tension Release Exercises (Exercícios de Redução das Tensões e Estresse), Formada em Hipnose Terapêutica pelo Instituto Elsever - SP, Coaching pelo Instituto Kalíle e PSC [...]

Veja o perfil completo

Outros reflexões para você

Você se preocupa com o que poderá encontrar, quando for para sua sessão de massagem tântrica? O que você deseja é relaxar e curtir a...
Você sabe responder a essa pergunta? Acredita que todos que dizem que te conhecem e gostam de você irão responder a essa pergunta de uma...
O contato com o Tantra possibilita uma espécie de sabedoria que não é o saber racional e lógico usual, da forma como o conhecemos. Santo...
Você tem vontade de participar de um Curso de Massagem Tântrica, mas ainda tem algumas dúvidas de como funciona? Através desse texto, eu...
Dizem que mais cedo ou mais tarde todo homem irá brochar, pelo menos uma vez na vida. Se tratando de fatores patológicos como hipertensão e...
É sabido que todas as mulheres podem ter orgasmos múltiplos. Acontece que mais de 50% (cinqüenta por cento) das mulheres nunca tiveram...
Entrevista conduzida por Andréia Félix: Deva Nishok: Tantra é uma palavra que, em Sânscrito, significa “Tramas”, os fios de comportamento...
Começando com um fato: mais de 95% dos homens que procuram a terapia tântrica com algumadisfunção sexual - problemas de ereção, ejaculação...
Vejo muitos questionamentos, de mulheres, sobre como atrair a energia orgástica para o topo e fazer com que ela circule no corpo; sobre a...
Não cheiram... Não florescem... Não interagem com o ambiente Não tem ciclos... Não vivem de verdade! Num mundo de perfeição asséptica,...
Todos somos pessoas, e pessoas são livres, no entanto, devido a nossa carga cultural, ancestral e a questões emocionais não trabalhadas,...
Lei da atração e energia sexual no Tantra? A lei da atração e a energia sexual têm muito em comum. Em primeiro lugar, é importante...
A Terapia Tântrica promove uma ressignificação da sexualidade de quem a busca. Como terapia corporal auxilia no processo de reeducação...
No processo terapêutico que proponho, o pilar primordial e a integração do SER, equilibrando corpo físico, mental, emocional, energético...
Na minha caminhada como terapeuta, tenho visto como ego e poder andam lado a lado. É uma linha muito tênue que separa ambas. Tão tênue que...
O Tantra possibilita que o homem alcance o mais profundo e significativo sentimento de religiosidade que esteja totalmente impregnado de...
Tenho me colocado no lugar do interagente e buscado entender o que o move a vir fazer uma sessão? Alguns carência afetiva como motivador....
Sabe quando você está na boa, vivendo a vida e de repente você é chamado bruscamente a dar valor ao que realmente importa? Como um soco...
Tremores, calafrios, espasmos involuntários, batimento cardíaco acelerado, pupila dilatada, contração da musculatura do corpo. Você já...
Veja todos

Receba novas reflexões por email...