Empoderar-se é uma escolha!

Empoderar-se é uma escolha!

A Saga da Borboleta e a Lição de Vida

publicado por Deva Dasi (Abigail)

Muitos de nós não acreditam em sinais, em intuição. Eu acredito muito que todas as situações adversas que acontecem em nossa vida têm um sentido. Que os nossos processos de crescimento ocorrem no momento que precisam ocorrer, independentemente das interferências externas, do quanto terceiros querem interferir em seu processo.

Vou lhe contar uma experiência muito interessante que presenciei, e que foi o marco do meu entendimento sobre a autorresponsabilidade de nosso Empoderamento Pessoal.

Eu estava sentada trabalhando e, quando fui puxar mais a cadeira para perto de mim, senti uma coisa estranha em minha mão. Dei um belo salto de susto quando fui perceber o que era. Uma lagarta tinha escolhido a cadeira que eu estava sentada para iniciar a sua metamorfose. Sem querer, interferi em seu processo e me senti péssima. Pensei comigo, o que eu faço agora?

Decidi deixar ela ali, quietinha, para ver o que ocorria. Fiquei algum tempo observando, percebi o quanto ela se contorcia, e fiz uma analogia comigo mesma sobre a nossa vida, o quão pode ser doloroso mudar, evoluir.

Neste mesmo dia saí com um amigo muito querido para jantar, e quando voltei para casa, ela já havia se tornado um casulo. Mandei a foto para ele e nos perguntamos: em qual fase você acha que está a sua vida agora? Ele me respondeu: Casulo. Por que? Porque ainda estávamos em processo de transformação interna, mas um pouco mais blindados às intempéries externas.

Dias depois, minha mãe sentou nesta mesma cadeira e sentiu o casulo na mão. Sem querer e assustada, arrancou do lugar em que estava. Logo pensei, já era... Aí delicadamente coloquei o casulo na garagem, em um suporte beeeeem improvisado no chão, mas que pudesse ficar na vertical, para que a borboleta tivesse a força da gravidade para ajudar a sair.

Os dias se passaram e até comentei com a ajudante da minha mãe que talvez as interferências tivessem sido tão grandes que ela não teria resistido. 

Qual não foi a minha surpresa quando cinco dias depois, a ajudante de minha mãe disse: Vem aqui ver uma coisa. E na hora que eu vi a borboleta na dobradiça, meu coração disparou de alegria! Ela tinha acabado de sair do casulo, pois ainda drenava o sangue para as asas! Fiquei sentada por mais ou menos duas horas admirando. Não consegui acompanhar o primeiro bater de asas, mas tenho certeza que ela irá cumprir a sua missão!

Agora transportando esta informação para a nossa realidade... Quantos de nós temos interferências em nossos processo de mudança? Quantos de nós recua a um simples olhar de reprovação externo? 
Pois bem, essa borboleta me mostrou que realmente nossa força está dentro de nós, e NINGUÉM poderá mudar o seu destino, a sua missão, a não ser VOCÊ mesmo.

Então voa minha amiguinha! Voa bem alto! Explore novos ares, faça novas descobertas, seja feliz e CUMPRA SUA MISSÃO!!!!

Deva Dasi (Abigail)
Ajudar pessoas sempre foi minha grande paixão. Contudo, a vida nos dá mais do mesmo quando estamos em nossa zona de conforto. Permaneci nesta zona de conforto durante nove anos, vivendo uma vida na qual não sabia mais quem era, qual era o meu propósito [...]

Veja o perfil completo

Quer receber nossas newsletters no conforto do seu email?


Atividades da Terapêutica Tântrica

Outros artigos interessantes para você

Empoderar-se é uma escolha!
A Saga da Borboleta e a Lição de Vida

por Deva Dasi (Abigail)

Quem é o Gerenciador de sua Vida?
A responsabilidade deve partir de mim

por Deva Dasi (Abigail)